Ir para o conteúdo principal

Motoristas internacionais

Enfrentando os desafios globais mediante organização global

Quer sejam empregados, motoristas proprietários ou autônomos, os motoristas internacionais enfrentam desafios consideráveis.

Ficando longe de casa por longos períodos e carecendo de condições de trabalho regulamentadas, seus problemas são os mesmos em todo o mundo, o que inclui:

  • Falta de locais para descanso adequados
  • Falta de cobertura de seguro
  • Retenções longas em fronteiras
  • Ameaças à carga ou ao veículo
  • Corrupção dos órgãos aos quais caberia aplicar a lei
  • Altos preços de combustíveis
  • Estradas em condições precárias
  • Longas jornadas de trabalho
  • Precariedade do emprego
  • HIV/AIDS
  • Falta de cobertura previdenciária
  • Tratamento desrespeitoso e assédio

Combinados, esses problemas resultam frequentemente em estresse e fadiga.

Por causa do aspecto internacional de seu trabalho, os motoristas têm dificuldade de se organizar. Consequentemente, eles têm pouca representação sindical, a qual ajudaria a melhorar suas condições de trabalho e defenderia seus direitos.

Organizando projetos para ajudar os motoristas

A resposta da ITF ao problema tem sido uma série de projetos educacionais, incluindo iniciativas na África, com a SASK e a FNV. Nossa meta é fortalecer a organização sindical e a negociação em todos os principais corredores de transportes nessas regiões.

Como ajudar os rodoviários

Precisamos de cooperação transfronteiriça entre sindicatos. Para criar uma estratégia de mudança, serão necessárias iniciativas globais e muita realização de campanhas.

Quer saber mais sobre nosso trabalho com os motoristas internacionais? Envie mensagem para inlandtransport@itf.org.uk

Publicar um novo comentário

Restricted HTML

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.