Ir para o conteúdo principal

Condições precárias de trabalho

Lutando contra a insegurança no trabalho para trabalhadores em transporte

Emprego sem garantias de horas ou benefícios, como assistência médica e aposentadoria, está aumentando cada vez mais.

Denominado precário, informal, irregular, de curto prazo, temporário, sazonal, freelance, liberal, subcontratado ou pagamento-na-hora – qualquer que seja a nomenclatura, os trabalhadores sempre saem perdendo.

Emprego descartável para trabalhadores em transporte descartáveis

Para algumas pessoas, o emprego informal é uma escolha. Mas para a maioria, principalmente os mais jovens, migrantes e mulheres, isso simplesmente significa remuneração mais baixa, menos segurança, posições inferiores e demissão sem aviso prévio.

Condições precárias dos trabalhadores em transporte rodoviário e urbano incluem:

  • ‘motoristas de veículo particular’
  • motoristas de mini-ônibus empregados informalmente por motoristas
  • pessoas que vendem refrigerantes ou gasolina em pontos de ônibus e taxi
  • condutores de moto-taxi
  • trabalhadores terceirizados ou temporários no transporte público
  • trabalhadores de agência temporários, por ex., em call-centres e armazéns

Trabalhadores informais em transporte talvez precisem mudar de emprego regularmente e aceitar trabalho em locais distantes. Não existe qualquer treinamento, plano de carreira, ou qualquer respeito por seu trabalho profissional e por vezes, perigoso – empregos e trabalhadores são considerados descartáveis.

Organização de trabalhadores em condições precárias

Mesmo fazendo tudo o que podemos para resistir à destruição do trabalho decente, nunca ganharemos se não organizarmos os trabalhadores em transporte que já trabalham em condições precárias e informais. 

Sem a organização, as empresas contratarão mais trabalhadores de agências, desprotegidos, ignorantes de seus direitos e acordos trabalhistas vigentes.

É uma árdua tarefa organizar em sindicatos, ou recrutar grandes contingentes de trabalhadores informais, por vezes com diferentes prioridades. 

Ele apresenta importantes questões se você está adaptando seu sindicato ou criando um novo sindicato, incluindo ‘com quem trabalhar’, ‘quais demandas a fazer’ e ‘como conciliar trabalhadores informais. Traduções estão disponíveis.

Você encontrará mais informações, e poderá publicar um post no blog dos trabalhadores informais o qual contém notícias e mais recursos sobre os aspectos práticos da pesquisa e organização de trabalhadores, assim como informações sobre o projeto da ITF sobre trabalhadores informais.

Publicar um novo comentário

Restricted HTML

  • Allowed HTML tags: <a href hreflang> <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.
  • Web page addresses and email addresses turn into links automatically.