Ir para o conteúdo principal

Greves mundiais pelo clima, 20 e 27 de setembro 2019

17 Sep 2019

Dando seguimento ao congresso da ITF de outubro de 2018, houve um apelo renovado dos jovens que trabalham em transportes do mundo todo para forçar a ida da Emergência Climática para o topo da agenda. 

Os jovens têm despertado muitas pessoas ao redor do mundo mediante suas poderosas ações coletivas, a exemplo das greves pelo clima intituladas “Sextas-feiras pelo Futuro” & “Greves escolares pelo clima”. Ao lidarmos com um devastador colapso climático e nos aproximarmos de perigosos pontos críticos, vemos os jovens conclamando milhões de nós ao redor do planeta para não fazer mais as coisas do jeito de sempre e juntar-se às greves mundiais pelo clima em 20 de setembro, antes da cúpula de emergência climática da ONU, e novamente em 27 de setembro.

Como membros do Comitê da Juventude da Federação Internacional dos Trabalhadores em Transportes, apoiamos todos aqueles envolvidos nas mais diferentes formas de ação deste mês. Juntos, nos pomos ao lado de todas as partes interessadas que queiram emitir um sinal de alerta e mostrar a políticos, empresas e governos que fazer as coisas “como de costume” não é mais uma opção. Cabe a cada governo ser mais ambicioso e determinar planos nacionais de desenvolvimento, incluindo medidas de Transição Justa para proteger os trabalhadores, suas famílias e suas comunidades.

Agora conclamamos os trabalhadores jovens e seus aliados de todo o movimento sindical para mobilizarem-se e solidarizarem-se no apoio a uma transição justa rumo a economias e sociedades sustentáveis e para todos. Assegurando que os empregadores tenham um plano de proteção climática para suas indústrias e locais de trabalho.

A ITF considera a transição rumo a um sistema de transportes sustentável uma oportunidade de criar uma sociedade melhor para todos, incluindo empregos decentes e direitos para jovens que trabalham nos transportes.

Você pode ler aqui sobre como o comitê da juventude da ITF se soma às milhões de vozes representadas ao redor do mundo: Sindicatos ao Redor do Mundo Respondem aos Chamados por “Greve Climática” liderados pela Juventude

A crise climática não espera, e nem nós esperamos.

Não há empregos num planeta morto!
 

Publicar um novo comentário

Restricted HTML

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.