Ir para o conteúdo principal

ITF dá voz aos anseios dos trabalhadores em negociações climáticas globais

17 Nov 2017
A ITF, a Confederação Sindical Internacional (ITUC) e aliados estão atuando em negociações climáticas de âmbito global para amplificar os anseios dos trabalhadores de modo a que estejam no cerne das ações rumo à justiça climática.

Eles estão participando das negociações intergovernamentais da ONU sobre mudança climática – COP23 – em Bonn, na Alemanha, de 06 a 17 de novembro.

Em sua declaração para a COP23, a ITF argumenta que, para abordar a crise climática, é necessária uma imediata e ambiciosa expansão do transporte público em nível global. Isto trará benefícios ambientais, sociais e econômicos a todos mediante melhor acesso à mobilidade e redução de congestionamentos e da poluição do ar nas cidades, criando milhões de empregos novos e decentes. Em diversas cidades, os afiliados da ITF apresentaram a declaração aos seus governos locais ou nacionais.

A ITF também emitiu uma declaração conjunta com a  UITP (a Associação Internacional do Transporte Público), no sentido de que cidadãos, cidades e o planeta sairão ganhando se houver mais transporte público, argumentando que fazer do transporte público uma ação climática representa uma das maiores oportunidades econômicas do século 21.

Um cartaz com essa mensagem, assinado por ITF, UITP, além do ver.di, afiliado à ITF, e do VDV, parceiro da UITP, foi visto por milhares de delegados nos pontos dos ônibus elétricos e dos bondes de Bonn.

Sari Sairanen, do sindicato UNIFOR do Canadá, afiliado à ITF, convidou os trabalhadores a exercerem um papel central na mudança rumo a um mundo com menos emissões. Ela disse o seguinte: “Os trabalhadores estão se sentindo vulneráveis com relação aos seus empregos, de forma que estamos oferecendo um curso chamado ‘empregos verdes e mudança climática’. Trata-se de uma transição justa para os trabalhadores e lhes mostra como ter influência no local de trabalho a respeito dessas mudanças. E incluímos nos acordos que os patrões paguem para que os seus empregados compareçam ao curso”.

Alana Dave, líder do programa “O Nosso Transporte Público” da ITF, acrescentou que a voz dos trabalhadores pela mudança da indústria precisa se fortalecer, e que a federação e seus sindicatos fizeram alianças com outros grupos que ficarão ao lado dos trabalhadores em suas campanhas por justiça climática e social.

Participe do debate e veja o que estão dizendo os sindicatos na COP23:

Federação Nacional dos Ferroviários da Índia (NFIR)

FTTUB

Sindicato Sueco dos Trabalhadores em Transportes

Sindicatos Tailandeses da ITF

ITF

Acompanhe as últimas notícias sobre a campanha pelo transporte público da ITF usando #OurPublicTransport

Leia a declaração sobre gênero, mudança climática e transporte público adotada pela conferência das mulheres da ITF. 

 

Publicar um novo comentário

Restricted HTML

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.