Ir para o conteúdo principal

Parceiros Sociais Engajam-se em Diálogo sobre o Estreito de Ormuz

26 Jul 2019
Comunicado à imprensa
O Fórum Internacional de Negociação (IBF) iniciou esta semana discussões sobre o trânsito de embarcações pelo Golfo de Omã e o Estreito de Ormuz.

As discussões se dão após 10 semanas de aumento das agressões contra navios mercantes na área, culminando com a apreensão do Stena Impero em 19 de julho.

“A indústria ficou chocada com os ataques próximo à costa de Fujairah em 12 de maio e tem sido desconcertante testemunhar a série de acontecimentos ao longo das dez semanas seguintes. Marítimos trabalhando a bordo de embarcações mercantes, a quem teria que ter sido dado o direito de passagem inocente, viram-se reféns da situação, causando grande sofrimento a eles e às suas famílias.  O Grupo Conjunto de Negociação (JNG) irá se engajar com a ITF para ver a melhor maneira de assegurar o bem-estar dos marítimos navegando na região”, disse o presidente do JNG, o capitão Koichi Akamine.

Falando em nome da ITF, David Heindel, presidente da Seção de Gente de Mar, disse: “Tal exposição dos marítimos trabalhando nas embarcações mercantes a riscos à sua vida e sua segurança é totalmente inaceitável. Nossas preocupações com seu bem-estar são compartilhadas por todas as partes do IBF. Clamamos conjuntamente por uma solução diplomática para a situação e para que se reverta a escalada de tensões na região, conclamando governos a empreenderem os maiores esforços para que a tripulação do Stena Impero seja liberada.  Também conclamamos os governos para que assegurem a passagem segura de embarcações comerciais pelo Estreito de Ormuz.”

As partes do IBF firmaram compromisso para monitorar a situação ao longo da próxima semana e retomar as discussões na semana que vem.

Publicar um novo comentário

Restricted HTML

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.