Ir para o conteúdo principal

Mensagem para XPO: ‘consertem agora ou enfrentem as consequências’

08 Dec 2016
Sindicatos representando trabalhadores das empresas XPO do mundo todo lançaram o mais evidente desafio à empresa até agora, para que interrompa suas políticas contra os sindicatos e chegue a um acordo que seja bom para os seus trabalhadores.

O clamor por justiça vem de uma rede global de sindicatos reunidos na conferência de rodoviários e ferroviários da ITF em Bruxelas. A rede também condenou veementemente os planos do chefe executivo da empresa de conceder a si mesmo um aumento no valor da ação de até US$ 110 milhões.

O presidente da International Brotherhood of Teamsters, James Hoffa, disse ao grupo: "Condenamos este plano que pode conceder ao CEO Bradley Jacobs e outros executivos da XPO premiações em participação acionária baseadas em perdas para os trabalhadores em Estados Unidos e Europa".

"Agradecemos o apoio de nossos companheiros e companheiras da Europa. A XPO precisa investir trabalhadores responsáveis pelo sucesso da empresa tanto quanto o avarento CEO".

Frank Moreels, presidente do BTB Belgium e vice-presidente da seção de rodoviários da ITF, presidiu a reunião que contou com 45 participantes de 15 sindicatos de nove países onde a XPO opera. Ele comentou: "Já demonstramos que esta rede que se expande é efetiva e tem colocado a empresa sob pressão justificada. Se a XPO é mundial, é bom que sejamos também. Somos uma família e é como família que nos unimos nesta luta".

Falando na reunião, o presidente da ITF, Paddy Crumlin, disse que a rede é o que traduz a ITF e a ETF neste momento. “Vamos ao chão da fábrica, mobilizamos os trabalhadores, pesquisamos e organizamos”, ele disse.

Assista ao presidente do Teamsters, James Hoffa, ao vivo na reunião de Bruxelas.

 

Publicar um novo comentário

Restricted HTML

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.