Ir para o conteúdo principal

A Declaração Neptune redefine as expectativas e responsabiliza a indústria marítima por atuar para pôr fim à crise de trocas de tripulação

27 Jan 2021
Comunicado à imprensa

Um novo compromisso assinado por mais de 300 líderes da indústria marítima e de direitos humanos redefiniu as expectativas e encarregou a indústria de usar seu poder de barganha para pôr fim à crise de trocas de tripulação que continua a se agravar. Entre os signatários estão as grandes multinacionais BP, Cargill, Rio Tinto e Shell.

Aqueles que assinaram a Declaração Neptune sobre o bem-estar dos marítimos e trocas de tripulação comprometeram-se hoje a se responsabilizar solidariamente para resolver uma crise que tem visto centenas de milhares dos marítimos do mundo serem empurrados ao que se resume a trabalho forçado.

Stephen Cotton, secretário-geral da Federação Internacional dos Trabalhadores em Transportes (ITF), acolheu hoje os compromissos das 327 empresas e organizações que assinaram a Declaração Neptune, uma iniciativa liderada pelo Fórum Marítimo Global.

“A ITF acolhe o compromisso dos armadores, fretadores, investidores, ONGs e grupos da indústria ao assinarem a Declaração Neptune, e agora a expectativa é de que se passe das palavras à ação,” disse Cotton.

“Com o surgimento das novas variantes da Covid, infelizmente temos visto governos retrocedendo e adotando mais restrições. Este é o momento para cada CEO, cada membro do conselho de todas as empresas que dependem da navegação global, exigir que os governos não se esqueçam dos trabalhadores essenciais que conduzem suas economias e abram suas fronteiras aos marítimos antes que esta crise piore.”

“As empresas devem agora assumir a responsabilidade. Isso significa o fim das cláusulas ‘sem trocas de tripulação’: os fretadores devem trabalhar com os proprietários de navios para facilitar as trocas de tripulação. Isso significa que os investidores devem perguntar às empresas que possuem e com as quais negociam o que elas estão fazendo para lidar com a crise. E significa perguntar por que qualquer empresa na indústria não assinou esta declaração”, disse Cotton.

Os signatários da Declaração Neptune comprometeram-se a tomar providências, incluindo clamar aos seus pares e aos governos que:

  • Reconheçam os marítimos como trabalhadores essenciais e deem a eles acesso prioritário às vacinas de Covid-19
  • Estabeleçam e implementem protocolos de saúde de padrão ouro com base nas melhores práticas existentes
  • Aumentem a colaboração entre os operadores de navio e fretadores para facilitar as trocas de tripulação
  • Garantam conectividade aérea entre os principais hubs navais para os marítimos

 

Clique aqui para baixar a Declaração Neptune e a lista completa de signatários.

Para mais informações: Comunicações da ITF, media@itf.org.uk ou +44 20 7940 9282