Ir para o conteúdo principal

Sindicatos de Europa e Estados Unidos contra ações da XPO hostis aos trabalhadores

18 May 2016
No que foi uma ação conjunta histórica para chamar atenção para as ações da XPO hostis aos trabalhadores, representantes sindicais europeus da ITF protestaram junto com trabalhadores e representantes do Teamsters em frente ao local onde se realizava a reunião geral anual da empresa (AGM) em Connecticut, EUA, no dia 11 de maio.

Uma delegação do grupo de trabalhadores e líderes sindicais fez-se presente na AGM para reivindicar uma reunião com o fim de discutir as preocupações dos trabalhadores, não tendo recebido qualquer resposta à sua solicitação de reunir-se com Bradley Jacobs, presidente, chefe executivo e maior acionista da XPO, à frente da AGM.

Os representantes da ITF – de CGT Transports (França), CFDT Transports (França), ACV-CSC Transcom (Bélgica) e Unite the Union (UK) – participaram de uma coletiva de imprensa após a AGM e também assinaram a convocação dos sindicatos da XPO para continuar a trabalhar unida e solidariamente para combater a forma equivocada como a XPO trata os seus empregados.  

Fred Rouaux, representante dos rodoviários do sindicato CFDT Transports, declarou: "Algo muito importante aconteceu hoje. A despeito do desejo do CEO da XPO, Bradley Jacobs, de tentar nos dividir, foi dito que, quando se trata dos trabalhadores na XPO, só existe uma família sindical. Somos indivisíveis hoje e sempre”.

O secretário geral da ITF, Steve Cotton, comentou que esta era a primeira vez que uma nova rede de trabalhadores preocupados agia na XPO. Ele acrescentou que a empresa precisava ouvir os sindicatos e conversar com eles.

Os sindicatos dos EUA e da Europa puseram-se de acordo quanto a uma abordagem estratégica conjunta entre os trabalhadores da XPO e os representantes do sindicato, em abril, para proteger os padrões de trabalho e respeitar os direitos dos trabalhadores, face ao que o Teamsters chama de “ganância global” da empresa. Os sindicatos temem que o agressivo planos de fusões e aquisições da XPO vise a obter lucros dramáticos e de curto prazo às custas de empregos, condições de trabalho e direitos trabalhistas.  

Leia o artigo do presidente geral do Teamsters, James Hoffa, sobre os protestos na XPO. 

Leia o relatório do Teamsters sobre o protesto na XPO.

Publicar um novo comentário

Restricted HTML

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.