Ir para o conteúdo principal

Escritório sindical da Alsa-National Express a ser aberto em Tanger

07 Feb 2019
Union office for Alsa-National Express to open in Tangier
Escritório sindical da Alsa-National Express a ser aberto em Tanger

O sindicato UMT, da ITF, anunciou o lançamento de seu primeiro escritório sindical em Tanger, dedicado a organizar os trabalhadores da empresa multinacional de transportes Alsa.

O secretário geral do UMT-Tanger, Ali Abdel Sadeq, o chefe da federação de transportes UMT, Ibrahim Qarfa e o secretário regional da ITF, Bilal Malkawi, reuniram-se com os motoristas em Tanger e anunciaram a abertura do escritório em 3 de fevereiro.

Os ativistas agradeceram o apoio recebido do UMT  e da ITF e pediram que os representantes dos trabalhadores da Alsa no Marrocos discutam e melhorem as condições dos trabalhadores na empresa.

A Alsa pertence à empresa multinacional National Express. Ela opera redes de transporte urbano em Marrakech, Khuraibka, Aghadir e Tanger, com um novo contrato para Rabat e adjacências.

Ali Abdel Sadeq disse: "Este é o começo da organização de todos os trabalhadores, e nossa meta é facilitar um verdadeiro diálogo entre os trabalhadores e a gestão por melhores relações trabalhistas.

Não iremos parar enquanto não tivermos alcançado uma representação real para os trabalhadores em toda parte."

Bilal Malkawi comentou: "Este é um momento histórico; a organização sindical dentro de uma empresa multinacional no Marrocos. A National Express tem bons acordos em diversos países e é hora de a empresa respeitar os direitos dos trabalhadores também no mundo árabe. A família mundial da ITF apoiará os trabalhadores do Marrocos, que somente querem o direito de se organizar. A lei marroquina é clara sobre o direito de organizar-se e de negociar coletivamente."

Publicar um novo comentário

Restricted HTML

  • Allowed HTML tags: <a href hreflang> <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Lines and paragraphs break automatically.
  • Web page addresses and email addresses turn into links automatically.