Ir para o conteúdo principal

ITF Ásia Pacífico

Solidariedade com sindicatos de transportes na região Ásia Pacífico

A ITF, na região Ásia Pacífico, representa 1.1 milhão de trabalhadores em transportes por meio de seus sindicatos filiados – a maior integração de sindicatos de transportes fora da Europa, cobrindo 30 países.

Nossos objetivos são:

  • expandir a filiação sindical
  • promover e conduzir a educação sindical
  • fortalecer a capacidade solidária dos sindicatos de transportes
  • abordar problemas relacionados a HIV/AIDS
  • promover atividades de gênero e a participação dos jovens em todos os níveis da ITF

Temos escritórios em Delhi, Sydney e Tóquio.

Delhi é o escritório de representação na Índia.

O escritório de Sydney é nossa base no Pacífico Sul (incluindo o Timor Leste).

O escritório de Tóquio é a nossa base da Ásia Oriental

Subscribe to ITF Ásia Pacífico

ITF Ásia Pacífico Notícias

Notícias | 06 May 2021

Covid atinge a Índia como nenhum outro desastre natural, todos os trabalhadores estão lutando

Demonstramos nossa solidariedade ao povo da Índia enquanto a segunda onda de Covid-19 devasta o país. O que está acontecendo na Índia é problema de todos nós...

Notícias | 27 Apr 2021

Interposição de novo recurso desperta compromisso renovado de solidariedade global aos 13 sindicalistas do SRUT

Sindicatos globais de transportes renovaram hoje seu apoio aos líderes do Sindicato dos Trabalhadores da Ferrovia Estatal da Tailândia (SRUT) após a...

Notícias | 29 Mar 2021 Comunicado à imprensa

Metade da frota da Aswan, que figura na lista negra, enfrenta apuros enquanto a Austrália detém dois navios

As autoridades marítimas australianas detiveram duas embarcações de propriedade de uma polêmica empresa de navegação do Catar por graves violações de...

Notícias | 26 Mar 2021

Forças armadas de Mianmar precisam ser responsabilizadas por violência contra as mulheres

A ITF se juntou a 181 organizações globais de direitos das mulheres em um apelo ao Conselho de Segurança das Nações Unidas (CSNU) para que a junta militar de...

VEJA MAIS