Enrique Fossoul

- atualizado

12 de junho de 1954/1º de dezembro de 2014

É com pesar que a ITF comunica a morte de Enrique Fossoul, líder sindical espanhol e membro do comitê gestor da ETF.

Enrique Fossoul foi um dos rostos conhecidos do Comisiones Obreras, (CC.OO) – o maior sindicato da Espanha – inclusive no período crucial que se seguiu à morte de Franco e ao consequente fim da ditadura militar em seu país. Fossoul dedicou 38 anos de sua vida ao sindicato, chegando a secretário geral em 2004. Sua morte deu-se apenas alguns dias após ele abrir mão do cargo devido à sua saúde debilitada.

Eduardo Chagas, secretário geral da ETF, relembrou Enrique como: “Mais que um colega. Enrique era um amigo pessoal e um incansável defensor da ETF, dos trabalhadores em transportes e da solidariedade entre os trabalhadores.”

E seguiu: “Quero expressar, em nome de toda a ETF, os nossos mais profundos sentimentos à sua família e aos seus colegas. Foi uma honra trabalhar com o Enrique e ter contado com seu apoio nestes últimos dez anos.”

O secretário geral da ITF acrescentou: “Esta notícia é muito triste. Enrique era um homem de paixão, visão e um verdadeiro internacionalista. Nosso movimento perdeu um verdadeiro defensor dos direitos dos trabalhadores.

“Sua falta será muito sentida na contínua luta para proteger os direitos e a voz dos trabalhadores em um mundo em permanente transformação.”

Convidamos todos a compartilharem suas lembranças de Enrique postando seus comentários no campo acima.

Inclua seu comentário

Todos os comentários