ITF e ETF aplaudem vitória do Unite que é um marco

O secretário geral da ITF, Stephen Cotton, respondeu ao anúncio do Unite de que conquistou reconhecimento da Ryanair para representar sua tripulação de cabine:

“Eu gostaria de cumprimentar a Unite pela bem-sucedida negociação que levou ao seu reconhecimento pela Ryanair: um marco histórico. Pela primeira vez, por volta de 650 tripulantes de cabine da Ryanair empregados diretamente no Reino Unido terão um sindicato lutando por suas posições quanto a pagamento e condições de trabalho.

A ITF e a ETF têm convidado a Ryanair para reconhecer que os sindicatos têm um papel legítimo a desempenhar em seus locais de trabalho. Este acordo no Reino Unido representa um marco para os tribpulantes de cabine e para a campanha mais ampla de ITF e ETF para fechar um acordo mais favorável para os trabalhadores da Ryanair.

No entanto, o reconhecimento é apenas o começo. Agora a Ryanair deve provar que planeja negociar de boa fé e ouvir as reclamações da sua força de trabalho. De baixa remuneração a metas de venda draconianas, a empresa tem um longo caminho pela frente antes de que se possa considera-la um bom empregador.

É por isso que ITF e ETF serão anfitriãs da primeira cúpula de tripulantes de bordo da Ryanair em 3 e 4 de julho. No mês que vem, trabalhadores de toda a rede da empresa irão se reunir em Dublin para formular uma carta de exigências quanto a pagamento e condições de trabalho. Isto servirá de base para os sindicatos negociarem em nome da tripulação de cabine da Ryanair nos lugares onde a empresa opera”.

Inclua seu comentário

Todos os comentários